Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Lóbi do Chá

Lóbi do Chá

Proudly Goofy

por Zé Pedro Silva, em 30.10.09


Descobri, no blogue Piar, um boneco que diz “Proudly Portuguese”. Quando vi isto pensei logo que seria uma bodega escrita em inglês para defender o orgulho em ser português. Pensei que podia eventualmente ser isto, mas ao mesmo tempo não acreditava que pudesse ser verdade.


Fui então ao Google e pesquisei por “proudly portuguese”. Descobri, no Star Tracking, que «é uma insígnia que se criou para assumir o orgulho que esta nova geração sente em ser portuguesa. Adoptámos a língua Inglesa para o dizer para que possamos [sic] mostrar este orgulho fora de Portugal. Ao utilizá-la estarás a contribuir para a construção de uma imagem positiva do país. Podes utilizá-la como assinatura no teu e-mail, colocá-la em apresentações, no teu blog ou em qualquer outro suporte que seja adequado».


Ora, a minha pergunta é a seguinte: isto cabe na cabeça de alguém? É que eu acho, muito sinceramente, que não.


Uma pessoa pode ser a favor do casamento entre pessoas do mesmo sexo, contra o racismo, amiga de Israel, sócia da Animal, adepta do Benfica, coleccionadora de selos, da confraria do vinho do Porto ou do coro de Santo Amaro de Oeiras. Tudo isto merece um boneco no blogue, mas o "orgulho em ser português” não.


Um boneco destes num blogue é meio caminho andado para um estrangeiro - um proudly foreign - pensar “que raio de povo é aquele?”. Alguém imagina encontrar “proudly french” no blogue de um francês? Ou “proudly chinese” no blogue de um chinês? “Proudly italian” no de um italiano?


Claro que não, porque a questão não se coloca. Não se pode colocar.


Temos, por isso, de pôr termo a esta palermice do “orgulho em ser português”. Esta cagada dá a sensação de que o sentimento natural, relativamente à portugalidade, é a vergonha, donde só alguns corajosos conseguem ter orgulho nisso e até metem uma cena no blogue como se desafiassem o mundo.


Fiquei muito feliz com o regresso dos linces ibéricos, mas confesso que a minha preocupação, nesta altura, é maior com a cultura portuguesa. Manifestações de patriotismo como a "proudly portuguese" só servem para tornar claro que alguma coisa tem de ser feita.

Indo cumprindo Copenhaga

por Zé Pedro Silva, em 30.10.09

[Reuters, Cooling towers are demolished, Xinxiang, Henan province.]

Leãozinho

por Zé Pedro Silva, em 30.10.09

O Sporting voltou a perder pontos, desta vez para o penúltimo classificado. Será uma novidade? Não. O Sporting habituou muito bem os seus adeptos. Habituou-nos a perder pontos, a ganhar de vez em quando e a jogar mal ocasionalmente, desde que isso signifique ficar à frente do Benfica.


O que não estamos habituados é a perder pontos constantemente, a jogar sempre mal e, sobretudo, a ver o nosso principal rival em primeiro, a dar “coças” de meia-noite aos adversários. Irrita-nos a sensação de ver o Benfica a liderar o campeonato, com onze pontos de distância e a arrogância característica daqueles que, apesar de inferiores na maior parte das coisas, são superiores financeiramente.


Resta-nos esperar que tudo volte à normalidade, que o Benfica volte à sua história recente, com 50% de jogadores lesionados (principalmente depois das doses de cavalo que os seus jogadores devem andar a tomar), a lutar com o Braga e o Guimarães pelo terceiro lugar; e que o Porto passe para a frente e o Sporting para segundo.


Ai, ai, segundo, segundo, esse lugar confortável, agora tão longínquo. Talvez seja mesmo preciso o Sporting mudar! Nós, logo nós, que estávamos tão confortáveis, no nosso cantinho a distribuir dinheiro por toda a gente, a criar empresas que não serviam para nada, a libertar Bancos de empregados dispendiosos, a ser solidários com jogadores que estavam parados, sem jogar, coitadinhos, a dar-lhes segundas, terceiras, décimas oportunidades.


Não sei, o melhor mesmo, para já, uma vez que as coisas ainda não estão assim tão mal, talvez seja o nosso Presidente cumprir aquilo que prometeu na sua candidatura e ir visitar as Casas do Sporting espalhadas pelo Mundo!

A REN tem código de conduta

por Zé Pedro Silva, em 29.10.09
E o artigo 10.º diz o seguinte:


  1. Os colaboradores da REN não devem aceitar ou recorrer a pagamentos ou favores, de clientes ou fornecedores, nem entrar em cumplicidades para obter quaisquer vantagens e devem recusar obter informações comerciais através de meios ilegais. Devem, ainda, abster-se de quaisquer práticas que possam pôr em causa a irrepreensibilidade do seu comportamento, nomeadamente, no que se refere a ofertas de ou a terceiros.

  2. As ofertas a terceiros não deverão ser feitas a título pessoal mas segundo as vias normais estabelecidas pela REN.

  3. As ofertas recebidas de terceiros devem ser recusadas se a sua aceitação for indiciadora de intenções menos claras por parte dos oferentes.



Um código de conduta tão explícito, quase pornográfico, e mesmo assim...
[Código de conduta da REN]

Arvoredo em Lisboa

por Zé Pedro Silva, em 29.10.09



Nas cidades modernas, até já há pineiros.

Encontrado o Procurador?

por Zé Pedro Silva, em 28.10.09

A operação contra a corrupção que hoje se conheceu parece de outro campeonato. Já não se trata daqueles casos deprimentes do empreiteiro que ofereceu um relógio de ouro ao presidente da câmara. Não, isto é outro campeonato.


Aliás, esta não é a primeira operação com bom aspecto. Houve, recentemente, outras jogadas interessantes.


Ficará Pinto Monteiro na história? Era muito bonito. Este país precisa urgentemente de ter orgulho em alguém que, já agora, não seja reconhecido pelos seus dotes futebolísticos.

Obama e a política local

por Zé Pedro Silva, em 28.10.09

O presidente americano é um homem muito fotografado. Barack Obama está um pouco por todo o lado.


Agora, a novidade é que os seus seguranças também. Também são estrelas, como o presidente, a mulher, as filhas e o cão.


Resulta daqui que já conheço quase todos os seguranças de Obama e não sei quem é o presidente da minha Junta. É assim.



[Fotografia: Reuters]

Cauda, daqui cauda, os bifes estão malucos, stop

por Zé Pedro Silva, em 27.10.09

Leio no Diário de Notícias que o Partido Conservador britânico não apoiará, caso chegue ao Governo, a candidatura de Tony Blair à presidência do Conselho Europeu.


Ninguém diria que os conservadores britânicos conseguem ser menos patriotas que os portugueses.


Quando se tratou de eleger Durão Barroso para a Comissão, jamais alguém ousou questionar a patética entrega do país à causa. Jamais alguém questionou a sua competência, o seu pensamento político, o seu compromisso com Portugal, nada…


Do Presidente da República ao Presidente da Junta, o poder político uniu-se perante o desiderato parolo de levar um português para as europas


Por isso continuamos alegremente na cauda, a catapultar de quando em vez uns compatriotas para o estrelato, na esperança, enfim, de lucrarmos alguma coisa com isso.


Silêncio, que se vai cantar o fado.

Notas do "Coitidiano"

por Zé Pedro Silva, em 27.10.09
- Fernando Guerra: Será que nunca desconfiaram do apelido do padre que estava carregado de armas?

- UBS diz que Mota-Engil pode valorizar mais 20%. Não sei. Se o coelho não sair da toca, efectivamente pode valorizar mais 40%.

- Sobre a vacina da gripe A, parece que o director-geral de saúde fez reacção alérgica… ou já tinha aquele penteado?

- Na verdade, com a minha pelagem ralinha, eu tenho é inveja daquela farta cabeleira em forma de palmeira exótica.

- E o Benfica? Que exibicionistas! Os clubes de futebol com categoria ganham de vez em quando e no máximo por um golo de diferença. Quase sempre empatam ou dão mesmo a vitória aos adversários.

Notas sobre a tomada de posse do novo Governo

por Zé Pedro Silva, em 26.10.09

- Novo é como quem diz. De novo só se vislumbra aquele piquete de urgência constituído por oito técnicos autorizados.


- Há alguma pandemia de gravatas encarnadas? Venha de lá essa vacina.


- Metade do Governo tem cabelo branco. A outra metade não se livra do fenómeno até ao fim da legislatura.


- O presidente Cavaco diz que é referencial de estabilidade. Sobre isto, aconselho a leitura de uma notícia entretanto aldrabada [aqui].


- Jaime Silva faltou. Que pena.

Pág. 1/8

Mais sobre mim

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D